Você gosta de inhame?

Share

A cada dia que passo me surpreendo mais com o que temos prontos vindos da natureza: são frutas, verduras, legumes e raízes que por si só já possuem tudo o que nós precisamos para ter uma saúde plena, sem precisar de nada processado ou industrializado. E hoje foi a vez do inhame, estava com tantos aqui em casa que resolvi procurar uma receita de sopa para faze-los, e aproveitei para dar uma espiada em suas propriedades nutricionais.

Eu já sabia que o consumo regular do inhame ajuda a prevenir a dengue, mas não imaginava que ele tinha tantas outras propriedades benéficas para nosso organismo!

As propriedades nutricionais

Para quem não conhece inhame, é uma raiz (na verdade um tubérculo) de cor marrom e bem peludinho por fora, e bem branquinho por dentro. Muitas pessoas nunca sequer o compraram por nem saber o que é.

Ele possui significativas quantidades das vitaminas B1 e B5, e também ferro, fósforo e cálcio. Também possui betacaroteno, apesar de ser bem branquinho.

As propriedades medicinais

Aqui é que vem a melhor parte, o inhame, além de prevenir contra doenças como a dengue, malária e febre amarela, também é excelente para aumentar o sistema imunológico, é desintoxicante e depurativo, regula o fluxo menstrual, inclusive sendo usado por mulheres que sofrem com os sintomas da TPM, reduz o ácido úrico, melhora reumatismo, artrite, inflamações, infecções (inclusive furúnculos, espinhas, unha encravada, sinusite, apendicite, etc.), e também é eficaz contra micoses e viroses.

Ele limpa o sangue: faz muitas toxinas saírem através da pele, rins e intestino, sendo que já foi muito utilizado para curar sífilis!

Como usar o inhame

Ele pode ser usado cru em saladas ou sucos, em sopas, substituindo as batatas, cozidos no vapor, como purê, tortas, bolos, as receitas são várias, vou colocar algumas na newsletter.

Mas também pode ser usado como emplastro para tratar problemas como furúnculos, espinhas, verrugas, unha encravada, desinflamar cicatrizes, eliminar sangue de abscessos e tumores, ele evita inchaço e dor se usado imediatamente após queimaduras, e também em processos inflamatórios como apendicite, sinusite e hemorróidas, entre outros.

Para fazer o emplastro, rale a quantidade suficiente de inhame para cubrir a parte afetada, misture com farinha e um pouco de gengibre ralado, e coloque bem úmido sobre a área afetada, cobrindo com uma gaze. De duas a três horas o emplastro estará seco e já é possível retirá-lo. Faça de duas a três vezes por dia.

Nada melhor do que colocar algo natural sobre sua pele ao invés  medicamentos comprados em farmácias  que só fazem mal. O que é natural pode até demorar mais, mas tenha a certeza que de não terá nenhum efeito colateral.

Eu particularmente gosto muito do inhame no suco de luz do sol, ele fica verde bem clarinho e bem cremoso, parecendo mais uma vitamina! Além é claro, de delicioso!

Um abraço e até a próxima!

(Visited 593 times, 1 visits today)
Share

7 Comments

  1. – Conheço e ma alimento muito de inhame, mas não conhecia tando sobre ele. Agora que conheço vou recomendá-lo a todos com mais frequência.

  2. Sandra;
    essa sua preciosa informação das propriedades do inhame como tratamento para a dengue é muito importante e desconhecida pela maioria das pessoas. Assim, creio que mais e mais pessoas devem ter acesso a essa informação, principalmente pessoas do meio rural onde há uma incidência maior do mosquito e, ao mesmo tempo, uma maior produção desse tubérculo.
    Obrigado pela informação.

  3. Eu gosto de Inhame, na sopa que faço coloco ele no lugar da batata pois não gosto de batata. Agora que vi como ele faz bem, vou comer bem mais! bjs*

  4. Eu amo inhame,faço um pure doce,cozinho o inhame com casca,depois retiro a casca e amasso bem coloco açucar ou mel e manteiga,fica uma delícia e sustenta muito é ótimo para o café da manhã ou comer no lugar do jantar.Experimente vcs vão adorar.Neusa Campelo Costa

  5. Eu pessoalmente não gosto muito de inhame,
    mas depois do que li, vou passar a olhar com outros olhos para o inhame e talvez experimentar o suco e usar nas sopas.

  6. Olá,
    Há algum tempo que estou com diabetes, para esse tipo de problema como deverá ser o consumo do inhame?

  7. Vou colocar na sopa ele vai dar que gosto? O gosto é ruim? Obrigado por me responderem. Sou diabete dois controlada e conheço os benefícios do inhame. Se fizer puré fica com que gosto (parecido com batata?)

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>