O perigo dos triglicerídeos

Share

TriglicerídeosA dieta ocidental, rica em doces e guloseimas, que contém grandes proporções de carboidratos simples, poucas fibras, sem falar do grande teor de gorduras saturadas, a pouca ingestão de ácidos graxos essenciais como os ômegas 3 e 6, além do hábito de vida sedentário, cobra um preço alto das pessoas. Muitas vezes esse descuido leva a um infarto, a um AVC, ou pode contribuir para o surgimento do diabetes, ou simplesmente um nível alto de colesterol ruim, o LDL, e também um nível excessivo de triglicérides.

Assim como o colesterol, o triglicerídeo é um tipo de gordura presente na corrente sanguínea. E, exatamente como o nível do colesterol LDL (lipoproteína de baixa densidade) pode ser perigoso para a saúde, assim também ocorre com o caso dos triglicerídeos.

Essa gordura tem a tendência de se acumular no tecido adiposo, isto é, no tecido do coração, o que pode desencadear sérios riscos à saúde de uma pessoa. Caso não seja controlado, os ricos de um infarto são elevados. Você pode estar se perguntando agora, de que forma o nível dessa gordura aumenta no corpo. Pois bem, a ingestão excessiva de carboidratos, principalmente dos alimentos ricos em carboidratos simples (açúcares, mel, doces em geral) podem acabar se convertendo em triglicerídeos, uma vez que o corpo não consumiu esses carboidratos, pois houve uma ingestão muito superior ao necessário. Ou seja, quando você consome açúcares, seja puro, em forma de mel, ou o presente em praticamente todos os tipos de doces existentes, você está consumindo carboidratos, que são macronutrientes responsáveis por fornecer energia ao seu organismo.

Até aí tudo bem. O perigo começa a existir quando a ingestão desses açúcares torna-se excessiva. A partir desse ponto, o seu corpo, não tendo como utilizar a energia proveniente dos carboidratos consumidos, e nem tendo mais capacidade para armazená-los em forma de glicogênio nos músculos e fígado, começa uma reação, transformando-os em gorduras para que sejam consumidos em outro momento. O problema é que a ingestão desses carboidratos continua aumentando, não dando a chance de o corpo consumi-los o que acaba por aumentar mais e mais o nível de triglicerídeos.

É interessante observar que não só os açúcares dos doces ou do mel quando consumidos excessivamente ajudam a aumentar o nível de triglicerídeos no sangue, mas todo tipo de alimentos que forneçam carboidratos simples, como, por exemplo, o arroz branco e o pão branco. Por este motivo prefira incluir alimentos saudáveis em sua dieta, para prevenir doenças e ter uma vida com mais saúde.
No próximo artigo entenda um pouco mais sobre o que eleva os índices de triglicerídeos em seu corpo.
Não perca, um abraço e até lá.
(Visited 745 times, 1 visits today)
Share

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>